Lá vou eu mais uma vez falar de um mangá inacabado. Ai ai, por que esses mangakás fazem isso com a gente, hein? Uns não sabem a hora de parar, outros simplesmente abandonam os leitores e param de escrever e outros desaparecem no meio da história. Tá bom que a justificativa da Hoshino é aceitável porque ela tava doente, mas então dá um fim pra história.

Enfim, D. Gray Man é mais um mangá que vai pro lado do exorcismo. Eu já falei que esse povo do Japão é invocado com essas coisas né? É demônio, é fantasma, nossa senhora! O foco é na vida de Allen Walker, um garoto da Ordem Negra, uma associação de exorcistas e cientistas que luta contra os Akumas ou armas-demônio criadas pelo Conde do Milênio, um cara louco que, como todo vilão, tem uns objetivos esquisitos. Os Akumas surgem, na verdade, da dor causada pela perda de um ente querido e a alma do morto acaba se transformando.

Para destruir os Akumas e acabar com suas maldades, A Ordem Negra precisa reunir os 109 fragmentos da Inocência divina, que são capazes de gerar armas anti-Akuma a serem usadas pelos exorcistas. Uma Inocência especial, chamada de Grande Coração, garante a vitória da Ordem nessa Guerra contra os propósitos do Conde do Milênio.

Allen é um exorcista iniciante e, quando seu pai adotivo morreu, transformou-se em um Akuma e deu a Allen a maldição de conseguir enxergar akumas disfarçados. Além disso, nesse mesmo momento, seu braço esquerdo despertou poderes especiais, tomando um formato diferente do resto do corpo. Ele foi treinado pelo General Cross Marian (LINDO <3) e, quando se junto à organização, logo conhece Kanda Yu e Lenalee Lee. No quartel, ele descobre o motive de seu braço ser daquele jeito e que ele faz parte de uma profecia como o Destruidor do Tempo. Em busca de alcançar seu objetivo depois de ter perdido o pai, derrotar os Akumas e destruir o Conde do Milênio, Allen passa por vários ramos da Ordem Negra, acompanhado nessas aventuras por Timcampi, uma espécie de “pomo de ouro” q, Kanda, Lenalee e, mais tarde, pelo Bookman e seu neto, Lavi (AMOR DA MINHA VIDA *-*), que ajudam a registrar os fatos ao longo dos eventos. Nessas buscas e lutas, Allen se encontra várias vezes com os Noah, que são humanos com habilidades que ajudam o Conde do Milênio em duas maluquices e até com o próprio conde.

O mangá de D. Gray Man é muito interessante e aborda diversos aspectos das vidas dos protagonistas. Nos últimos capítulos que foram lançados, antes de Allen dar de cara com a perspectiva de ser o 14ª Noah, a autora retomou o passado e as mudanças na vida de Kanda. Além disso, a autora consegue mesclar muito bem o aspect sinistro (como sempre, esse povo gosta demais de desastre), com humor e sentimentos singelos, como compaixão e amizade. E ah, conseguiu criar cenários e personagens muito bonitos, que fazem a gente se encantar e querer todos. Mas, ó, o Lavi é MEU u.ú. 

 

Corram para os links!

Mangá Online:

Mangás PROJECT

 

Anime Download:

Sakura Animes

 

Anime Online:

Animeq

 

No Brasil, o mangá é lançado pela Editora Panini.

D. Gray Man

© 2023 by Lil Collection Co. Proudly created with Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now