Um dia, perto de um evento no qual eu ia estrear um cosplay, fiz alguma postagem falando sobre minha empolgação e veio um amigo e disse: “você devia fazer cosplay da Kirihara, ela me lembra muito você!”. Fui ver de qual é que era essa Kirihara e, logo na foto, já notei a semelhança. E foi aí que decidi assistir Darker than Black, anime do qual eu nunca tinha ouvido falar antes. E eu adorei!

Tá bom, pode ser porque é um anime bem diferente de tudo o que eu já vi e porque tem mistérios e catástrofes envolvidas. Darker than black gira em torno de uma cidade protegida pelo Portão do Inferno, um estranho território que apareceu em Tóquio e alterou o céu verdadeiro, tornando-o uma ilusão igual ao original. Ao mesmo tempo, na cidade, aparecem pessoas dotadas de estranhos poderes, os Contratentes, que são acompanhados de algum tipo de sacríficio, ou preço do contrato, e que estão ligados às estrelas do céu falso: cada estrela representa um contrato e, assim que o contratante morre, a estrela cai. Além do preço de seu contrato, quando uma pessoa se torna um Contratante, ela perde suas emoções e a empatia humana e, por causa da estranheza e da crueldade de seus atos, os contratantes são mantidos em segredo da sociedade e, quando uma pessoa comum entra em contato com um deles, sua memória é modificada para esquecer o que viu.

Nesse universo, temos vários grupos organizados que trabalham para manter a ordem, ou os próprios interesses em jogo, das mais diversas formas. Entre eles, está a Organização, para a qual trabalha o protagonista, Hei, ou o BK201 que é seu código como corpo celeste, um agente que possui os poderes de um Contratante, lidando com a eletricidade. Junto com ele, trabalham Huang, um homem mais velho que passa as informações e orientações das missões para Hei; Mao, um contratante que assumiu a forma de um gato e Yin, que é uma doll, cujo espírito observador atua na água. Ah eh, esqueci de contar que existem os Dolls, que, como o próprio nome sugere, são corpos artificiais utilizados para observar ou para ajudar nas missões e, assim como os contratantes, eles não possuem emoções.

Além disso, temos o Departamento de Polícia de Tóquio, cuja principal representante e uma das principais personagens do anime é Kirihara Misaki (eu <3), a chefe da Seção 4 dos Negócios Estrangeiros, que lida principalmente com problemas referentes ao Portão do Inferno e aos Contratantes. Há o Observatório Nacional do Japão, ligado de alguma forma às ações da Polícia, que faz o monitoramento do falso céu e das ocorrências envolvendo as “estrelas”. E outro grupo, ligado à Polícia, é o MI6 ou Serviço Secreto de Inteligência, que, na verdade, é composto por alguns Contratantes, que agem am algumas missões especiais, os representantes são 11 de Novembro, o chefe e o Contratante que manipula a água em armas, Abril, a Contratante dos Furacões e Julho, o doll que usa o vidro. Além desses, ainda temos a Evening Primrose, organização de Contratantes que quer destruir o Portão, assim como fez no Portão do Paraíso, na América do Sul, e a CIA e a FSB, que existem de fato.

A principal trama de Darker than Black é descobrir como manter os Humanos e os Contratantes vivendo juntos, de forma não desastrosa e em paz, o que é muitas vezes abalado pelas ações de alguns membros dessas organizações. E, no fim, descobrimos que a escolha é apenas confiar em instintos básicos das emoções humanas e no equilíbrio entre o certo e o errado.

Ah, e sim, aguardem o cosplay da Kirihara ! ^^ 

 

Corram para os links!

Anime Download:

Sakura Animes

 

Anime Online:

Animeq

 

Darker than Black

© 2023 by Lil Collection Co. Proudly created with Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now