Você gosta de chorar? Se não, passe longe de Suki-tte! Não tem como, é tiro e queda: logo no primeiro episódio, lá estava eu chorando. E, dessa vez, não é porque eu sou uma manteiga derretida, mas porque é realmente linda a história. Querem ver?

Só para começar, Suki-tte Ii na yo significa “Say I Love you”. O anime conta a história de Tachibana Mei, uma menina quieta e tímida, que não consegue confiar em ninguém depois de uma decepção na infância e, por isso, não tem amigos e vive sozinha. É quando ela conhece Kurosawa Yamato, um garoto popular e totalmente o oposto de sua personalidade, que a garota começa novamente a se envolver com as pessoas e acreditar nas relações.

E como eles se conhecem? Bom, em um dia normal de colégio. Por ser popular, todas as garotas da escola (e do anime, né?) vivem atrás de Yamato e, é claro, um de seus amigos se aproveita da situação para encostar nas meninas. Numa dessas tentativas de descobrir quem está “por trás da saia no joelho”, ele acaba mexendo com Tachibana, que devolve um chute, mas acaba acertando o rosto de Yamato. É aí que ele começa a se interessar por ela, por ser uma menina diferente das outras e por não ligar nem um pouco pra ele (típico de homem, hihi). Ao observar o comportamento de Tachibana, o garoto percebe que ela vive sozinha e acha intrigante a forma como ela vive.

No primeiro episódio, ele passa seu telefone para a menina e pede desculpas pela forma como seu amigo agiu. Mesmo sendo popular, Yamato não é um desses meninos ridículos que eu desprezo nos animes, ele é legal e se preocupa com as pessoas. A primeira situação envolvendo Tachibana é quando um cara começa a perseguí-la e , como não tem o número de outra pessoa, ela liga para Yamato desesperada e ele, claro, se passa por seu namorado para despistar o suspeito.

E é aí que a vida da pacata garota muda totalmente. Ela se vê de volta ao mundo do contato e dos sentimentos entre as pessoas e, com isso, experimenta todos os tipos de sensações envolvendo o relacionamento com Yamato: amizade, inveja, ciúmes, intrigas, diversão e, claro, amor.  À medida que a história segue, vamos percebendo o quanto Tachibana foi afetada pelo fator da sua infância e o quanto ela aprende a conviver de novo. É realmente maravilhoso!

Não tem um episódio que não me fez chorar. O anime é muito intenso e desperta muitas coisas na gente! Se você ainda não conhece, faça o favor a si mesmo de assistir. É bem pequeno! E tem o mangá também! Além de tudo isso, não tem nenhum personagem feio na história, o que, para mim, quer dizer que a qualidade visual é incrível! É uma história que dá gosto de ver. Ah, e já anunciaram que vai sair um filme live action de Suki-tte! E eu to ansiosa para chorar de novo! Vem comigo ;)

 

Corram para os links!

Anime Download:

Sakura Animes

 

Anime Online

Animeq

 

Mangá Online

Mangá Host

 

 

Suki-tte Ii Na Yo

 

© 2023 by Lil Collection Co. Proudly created with Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now